Android Geek
O maior site de Android em Português

Análise Samsung Galaxy Note 10 Plus. Pacote completo do melhor que a indústria tem

Se tivéssemos que definir a linha Note em uma única palavra esta seria sem dúvida "Produtividade".

Se tivéssemos que definir a linha Note em uma única palavra esta seria sem dúvida “Produtividade”.

A série Galaxy Note da Samsung sempre foi a mais arrojada e poderosa da marca Sul Coreana. Esta linhagem data de 2011 e desde então que a Samsung tem levado mais longe a noção do que um smartphone consegue fazer. Se tivéssemos que definir a linha Note em uma única palavra esta seria sem dúvida "Produtividade".

O Galaxy Note10+ não reinventa a gama mas apresenta melhorias significativas em relação ao Note9 e apresenta-se mais moderno, mais poderoso e mais funcional.

O Note10+ é maior, mais rápido e mais fino do que nunca, e o seu público alvo continua a ser aquele utilizador que usa o seu smartphone para tarefas exigentes e que pretende a melhor performance em tudo o que faz no seu equipamento.

A nossa análise é sobre o o modelo Aura Glow com Exynos 9825 , 12 GB de RAM e 256 GB de armazenamento, a correr o One UI versão 1.5, baseada no Android 9 Pie.

Análise Samsung Galaxy Note 10 Plus. Pacote completo do melhor que a indústria tem 1

Análise Samsung Galaxy Note10+: Um Smartphone em Esteróides

O Galaxy Note10+ é o maior e mais ousado Galaxy Note da Samsung, isso não é surpreendente pois é o mais recente. Por vezes os fabricantes têm que abdicar de algumas funcionalidades em prol de outras o que pode fazer com que as novas versões não sejam sempre melhores que as anteriores, mas neste caso não há dúvidas, é o melhor Note de sempre.

O Note10+ tem um design mais fino, tem mais ecrã do que nunca, e uma S Pen que apresenta alguns truques novos. Quase todos os seus novos recursos são úteis, mas os pontos que o diferenciam mais dos seus antecessores são o Design e a tentativa de chegar a novos utilizadores. Isso não quer dizer que o Galaxy Note10+  não seja um dispositivo poderoso, ou que colocar o design em primeiro plano seja mau. Com um processador Exynos 9825, 12GB de RAM e uma base de 256GB de armazenamento UFS 3.0, o Galaxy Note10+ é uma PowerHouse sem rival.

O ecrã é maior e mais brilhante, a bateria é maior e carrega mais rápido. O Note10+  é, sem dúvida, o melhor e mais poderoso Smartphone da Samsung de sempre.

Como disse nas linhas acima, o público alvo da linha Note da Samsung são utilizadores que privilegiam a performance acima de tudo, mas nesta versão a Samsung deu especial atenção ao Design, tornando o Note10+ um equipamento apelativo para todos.  Quem não gosta de coisa bonitas e brilhantes?

 

O que está na caixa

  • Carregador de 25W USB-PD
  • Cabo USB-C para USB-C
  • Auscultadores AKG USB-C
  • Adaptador USB-A para USB-C

O Samsung Galaxy Note10+ vem com um carregador  de 25W, mas este , suporta USB Power Delivery (USB-PD). Isso significa que o carregador e o telefone comunicam entre si para determinar quantos volts e amperes são usados ​​durante o carregamento. É esta a magia do USB-PD. O carregamento de 25W apresenta um bom equilíbrio entre a velocidade de carregamento e preservação da saúde da bateria a longo prazo. Opcionalmente, podem comprar um carregador de 45W para carregar a bateria ainda mais rápido. Custa  cerca de 50€ .

O Galaxy Note10+ também vem com um cabo USB-C para USB-C, o primeiro num telefone Samsung, bem como uns fones de ouvido USB-C AKG pretos. A Samsung também inclui um adaptador USB-A (fêmea) para USB-C (macho) na caixa. Isto era usado anteriormente para permitir a transferência de dados do vosso dispositivo Android antigo, mas podem fazê-lo de forma prática sem fios. 

Design Galaxy Note10+

  • 162,3 x 77,2 x 7,9 mm
  • 196 g
  • Câmara no ecrã estilo  Infinity-O
  • Margens do ecrã curvo
  • S Pen
  • Colunas Stereo

Com o lançamento da Série Samsung Galaxy S10, a Samsung atualizou o seu design de uma forma arrojada. Com o lançamento do Note10, a Samsung dá continuidade a essa evolução de uma forma evidente. Os painéis do Note10+ são menores do que qualquer outro telefone que a Samsung já produziu. Em vez de colocar o recorte da câmara no canto superior direito, a Samsung moveu o recorte da câmara para o centro superior.

Eu gosto deste design porque não atrapalha  a visualização do mais importante, o conteúdo. Este recorte é ainda menor do que o que temos na série Galaxy S10. Isso acontece às custas de uma abertura de câmara menor em comparação com o Note 9 ⁠ - outra prova de que a Samsung apostou forte em tornar este dispositivo o mais apelativo esteticamente possível.

As fotos da câmara frontal são ótimas, e este pormenor é cada vez mais importante para a maioria dos utilizadores. O corpo do Note10+ tem ângulos rectos, o que é uma tradição nos dispositivos Note. Este ano, o telefone parece ainda mais rectilíneo, mas eu gosto.

O Note10+ é consideravelmente mais fino do que o Note 9, com apenas 7,9 mm contra 8,8 mm do Note 9. Curiosamente, mesmo com um grande ecrã de 6,8 polegadas,  mantém praticamente a mesma ergonomia que a versão Note 9, principalmente devido ás molduras reduzidas.

A Samsung trabalhou bem e conseguiu um design excelente, que como já dissemos era claramente uma prioridade.

A parte de trás é muito elegante, com um sistema vertical de câmara tripla o lado esquerdo. No entanto não somos fâs do alinhamento traseiro das câmaras dos Galaxy Note10, esta configuração de câmara já foi vista em inúmeros equipamentos como o Huawei P30 Pro e apesar de não ser esteticamente reprovável rouba, na minha opinião, alguma identidade ao Galaxy Note10 que fora isso é um equipamento único em todos os sentidos.

No meu modelo Aura Glow, o telefone reflecte a luz e cria algumas cores surpreendentes. A cor Aura Glow do Note10+ pode transformar-se em praticamente qualquer cor do arco-íris. É um dos telefones visualmente mais atraentes que já vi e tem sido um dos principais pontos de marketing da Samsung ao dispositivo.

 

Os utilizadores Galaxy Note apreciam o design sofisticado – não apenas o aspeto do seu dispositivo, mas também a experiência que este oferece. Cada elemento do Galaxy Note10 foi desenvolvido para ser elegante, fino e sem distrações, para que os utilizadores possam dedicar todo o seu foco aos projetos, ideias e conteúdos que consideram ser mais relevantes.

Galaxy Note 10 e Note10+

Quem não gosta de coisas bonitas?

Os lados do telefone têm uma moldura de alumínio muito mais fina do que o Note 9 e até mesmo que o S10. O vidro envolve as margens dando a ilusão que o vidro traseiro e o ecrã se fundem numa simetria hipnotizante.

O ecrã do Galaxy Note10 é o melhor de sempre da Samsung – desde a sua construção à tecnologia utilizada, este ecrã foi criado para envolver os utilizadores nos seus conteúdos preferidos.

 

Existe no entanto um preço a pagar por este Design, sendo que as laterais também são de vidro, as possibilidades de uma queda danificar o ecrã são elevadas neste Note10.

Robustez ou Beleza?  A Samsung teve uma decisão díficil para tomar

O Galaxy Note 10 é um dos telefones mais bonitos que já usei. Mas o vidro extra significa que é um pouco mais frágil porque mais vidro apresenta mais risco de se partir. O dinheiro custa a ganhar e o nosso primeiro conselho sonbre o Note10 é: Comprem uma capa!

O lado direito do dispositivo está livre de quaisquer botões ou portas. A Samsung optou por mover o botão de energia para o lado esquerdo, logo abaixo do botão de volume. É aqui que se encontrava o botão Bixby, mas foi agora completamente removido.

Na parte inferior do telefone, encontramos um local para a icónica S Pen, uma grade de alto-falante e um microfone, a entrada de fones de ouvido Jack 3.5mm disse adeus para sempre.

No início, achei que seria difícil ligar e desligar o dispositivo, normalmente uso o sensor de impressões digitais no display, e posso ligar e desligar o dispositivo facilmente com o dedo indicador e o polegar. Como a maioria das coisas, leva umas horas para nos habituarmos, mas depois parece completamente normal. No topo, encontramos a bandeja do SIM com expansão microSD , uma coluna e um microfone. (O modelo padrão  Galaxy Note 10 não possui expansão microSD.)

Ecrã Galaxy Note10+: mais uma vez, a Samsung no topo

  • 6,8 polegadas
  • Resolução de 3.040 x 1.440 Quad HD +
  • Proporção de 19: 9
  • HDR10 / HDR + certificado
  • 498ppi
  • Leitor de impressão digital ultrassónico no display

Como sempre, a DisplayMate testou a qualidade do ecrã do mais recente topo de gama da Samsung, Galaxy Note10+ e como habitual, a Samsung arrecada normalmente o lugar de melhor de sempre.

Como todos os anos, o site especialista em testar com precisão ecrãs de smartphones deu a pontuação mais alta ao Samsung Galaxy Note10+: A +.

A razão para isso é uma calibração de fábrica quase perfeita e um brilho de 1.308 nits .

Com uma densidade de pixels acima da média de 498ppp, graças à sua resolução de 3040 × 1440 pixels. No total, ele arrasou em 13 registos de desempenho, e mostra uma melhoria de 25% sobre o Note 9. Por isso, é considerado o melhor no mercado pela DisplayMate. Uma das novidades mais notáveis ​​deste ano é a capacidade de ajustar automaticamente o espaço de cores de acordo com o conteúdo visualizado.

A Samsung está muito à frente da concorrência quando o assunto é ecrãs OLED, que ninguém duvide disto. Mas pelo menos o fabricante coreano não está a dormir sobre o sucesso e continua a fazer ecrãs cada vez melhores. Apesar da falta de concorrência séria no high-end.

Design do Ecrã Galaxy Note10+

O Galaxy Note 9 tinha um design bastante parecido com o Note 8, mas para esta nova geração da série Galaxy Note a Samsung preparou algo diferente. O Note10 adopta o ecrã Infinity-O da Samsung - aquele com um furo para a câmara frontal, parecido com o adotado pelo Galaxy S10, mas desta vez a perfuração está centrada no ecrã. Dando-lhe um visual único.

Com o display a ocupar a parte frontal praticamente na totalidade, o Note10 é um dos equipamentos que se pode dizer que não tem praticamente margens vísiveis e ao ser agora tão elogiado pela Display Mate tem tudo para merecer a vossa atenção.

Eu estou com o Launcher de origem, o que torna os elementos no ecrã maiores e mais fáceis de alcançar do que outros Launchers de terceiros, portanto, isso pode ser parte do motivo pelo qual o ecrã parece tão prático. Eu voltei ao Galaxy S10 Plus depois de usar o Note10+ por alguns dias e pareceu-me minúsculo em comparação.

Engraçado como nos adaptamos a essas coisas. A Samsung também colocou o mesmo sensor de impressão digital ultra-sónico in-display que vimos na série Galaxy S10 neste dispositivo. Não é mais recente do que o que vimos anteriormente, mas parece mais preciso. Onde o S10 por vezes falhava a reconhecer a minha impressão digital, o Note10+ apresenta uma taxa de sucesso maior. Isso pode ser atribuído ao facto de a Samsung ter movido o sensor mais alto no ecrã do que no S10 Plus, facilitando a pressão natural. Embora não seja perfeito, está muito melhor.

Performance Galaxy Note10+

  • Qualcomm Exynos 9825
  • Octa-core
  • Adreno 640 GPU
  • 8 GB ou 12 GB de RAM
  • 256 GB ou 512 GB de armazenamento UFS 3.0
  • Armazenamento expansível

Baseado nas especificações, o Samsung Galaxy Note10+ devia voar, e voa - não notei nenhum atraso ou freeze na utilização deste telefone.

Nos benchmarks, o Galaxy Note10+ mostra a sua força. Atingiu uma pontuação de 369.029 no AnTuTu, em comparação com os 360.414 do Galaxy S10 Plus. No 3DMark, alcançou uma pontuação de 5.692 em comparação com a pontuação do S10 Plus de 5.239. No Geekbench, foram registados 3.434 e 10.854 para os testes single-core e multi-core, respectivamente, em comparação com as pontuações de 3513 e 11148 no Galaxy S10 Plus.

O Exynos 9825 é o primeiro chipset da indústria construído num processo Extreme UltraViolet (EUV) de 7nm. O seu predecessor, o Exynos 9820 de 8nm, assim como as ofertas de 7nm da TSMC são construídos no processo Deep UltraViolet (DUV), mas isso já é parte do passado. 

Galaxy Note 10 e Note10+

No futuro, as fundições usarão o EUV para ficar abaixo de 7nm - os Chipsets de 5nm já estão nos seus cronogramas. Assim, o Samsung Galaxy Note10 + é o privilegiado para testar a nova tecnologia que traz apenas uma pequena melhoria em relação ao Chipset 9820 dentro do Galaxy S10 +.

Galaxy Note 10 e Note10+

A Samsung afirma que aumentou a velocidade do clock da GPU, mas não diz quanto. As velocidades de clock da CPU foram publicadas, mas muito pouco mudou.

Aqui está uma comparação rápida:

Exynos 9825Exynos 9820
Processo7nm LPP EUV7nm LPP DUV
Núcleos grandes da CPU2x Samsung M4 @ 2.73GHz2x Samsung M4 @ 2.73GHz
Núcleos médios da CPU2x Cortex-A75 a 2,40 GHz2x Cortex-A75 a 2,31 GHz
Núcleos pequenos da CPU2x Cortex-A55 @ 1.95GHz2x Cortex-A55 @ 1.95GHz
GPUMali G76 MP12 @ ??? MHzMali G76 MP12 @ 702MHz

 

 

Galaxy Note 10 e Note10+

Salientamos que o benchmark foi executado no modo Performance, embora, ao contrário do modo de desempenho da Huawei, isso não lhe dá nenhuma vantagem que não tenha já no uso diário. Vamos começar com a CPU. Os núcleos M4 Cheetah projectados pela Samsung são o mais próximo que o Android consegue do desempenho de núcleo único líder de mercado da Apple.

GeekBench 4.1 (single-core)

Mais alto é melhor

  • Apple iPhone XS Max: 4777
  • Samsung Galaxy S10 +: 4522
  • Samsung Galaxy Note10 +: 4466
  • OnePlus 7 Pro: 3402
  • Huawei P30 Pro (modo perf.): 3323

Com todos os oito núcleos a correr, o Exynos perde para o Snapdragon 855. Curiosamente, o Galaxy S10 + superou o Galaxy Note10 + em ambos os testes, apesar de várias tentativas.

GeekBench 4.1 (multi-core)

Mais alto é melhor

  • Apple iPhone XS Max: 11432
  • OnePlus 7 Pro: 10943
  • Samsung Galaxy S10 +: 10387
  • Huawei P30 Pro (modo perf.): 10014
  • Samsung Galaxy Note10 +: 9751

O teste gráfico mostra os resultados esperados - o Galaxy Note10 + é ligeiramente mais rápido que o S10 +. Os testes do 3DMark mostram a melhoria em relação ao Galaxy S10 + e o ganho não se limita à nova API de gráficos.

3DMark SSE 3.1 Ilimitado

Mais alto é melhor

  • OnePlus 7 Pro: 6093
  • Samsung Galaxy Note10 +: 5287
  • Samsung Galaxy S10 +: 4632
  • Huawei P30 Pro (modo perf.): 4315

3DMark SSE Vulkan

Mais alto é melhor

  • OnePlus 7 Pro: 4833
  • Samsung Galaxy Note10 +: 4763
  • Samsung Galaxy S10 +: 4295
  • Huawei P30 Pro (modo perf.): 4231

Na maioria dos testes, no entanto, a melhoria é marginal e muda de benchmark para benchmark. Provavelmente não teremos a possibilidade de testar um telefone com Snapdragon 855 Plus - a Qualcomm também prometeu um aumento de GPU com um pequeno overclock de CPU. Em ambos os casos, a liderança maciça da Apple no desempenho da GPU permanece incontestada.

GFX 3.1 Manhattan (1080p offscreen)

Mais alto é melhor

  • Apple iPhone XS Max: 99
  • Samsung Galaxy S10 +: 69
  • Samsung Galaxy Note10 +: 68
  • OnePlus 7 Pro: 68
  • Huawei P30 Pro (modo perf.): 56

Cena do automóvel GFX 3.1 (1080p offscreen)

Mais alto é melhor

  • Apple iPhone XS Max: 60
  • Samsung Galaxy Note10 +: 43
  • Samsung Galaxy S10 +: 42
  • OnePlus 7 Pro: 41
  • Huawei P30 Pro (modo perf.): 33

Aztek Vulkan Normal (1080p offscreen)

Mais alto é melhor

  • Apple iPhone XS Max: 67
  • Samsung Galaxy Note10+: 40
  • Samsung Galaxy S10 +: 40
  • OnePlus 7 Pro: 40

 

Bateria Galaxy Note10+

  • 4,300mAh
  • Até 45W de carregamento (25 W incluído na caixa)
  • Carregamento sem fio (15W)
  • Carregamento sem fio reverso

O Samsung Galaxy Note10+ usa uma bateria de 4.300mAh, são mais 300mAh do que no Galaxy Note 9. Este não é um aumento revolucionário na capacidade da bateria, até porque, o ecrã passou de 6,4 polegadas para 6,8 polegadas. A bateria do Galaxy Note10+ dura sem dificuldade um dia inteiro numa carga, mas se tinham ilusões de que vos daria para dois dias de utilização esqueçam, pelo menos se usarem o equipamento intensivamente.

Consegui cerca de 7h de tempo de ecrã, o que tendo em conta as dimensões é excelente. O Note10+ tem uma boa bateria, talvez não apresente resultados de autonomia extraordinários porque o seu interior está repleto de tecnologia que exige um maior consumo de energia. Se por alguma razão tiverem que carregar o Note10+ com urgência, lembramos que a Samsung incluiu um carregador USB-PD  na caixa. Este não é o carregador mais rápido que já vimos num smartphone, mas 25W já são um valor respeitável. Pelos nossos testes, conseguimos carregar o Note10+ dos 0% aos 100% em cerca de 75 minutos, o que não é nada mau.

Acima referi que o carregador é USB-PD, isto significa que o carregador e smartphone comunicam entre si e podem aumentar de forma inteligente a voltagem para fornecer energia de forma mais segura, além de ser capaz de comunicar com dispositivo para ver quantos volt e amperes ele pode suportar. A maioria dos fast-chargers usa padrões proprietários, fico feliz ao ver a Samsung a adoptar algo polivalente. A Samsung também vende um carregador de 45W.

 

O que fazem as câmaras do Samsung Galaxy Note10+?

Na parte de trás do Samsung Galaxy Note 10+ encontramos quatro câmaras, três "normais" e uma câmara de tempo de vôo (câmara TOF), mas a Samsung gosta de lhe chamar câmara Samsung DepthVision. As selfies são captadas com uma única câmara, que pode ser encontrada no centro da frente.

  • Ultra Grande Angular: 16 megapixels f / 2.2, campo de visão de 123 graus
  • Distância focal normal: 12 megapixels, f / 1.5 ef / 2.4, foco automático de dois pixels, OIS
  • Câmara zoom: 12 megapixels, zoom 2x, f / 2.1, PDAF, OIS
  • Câmara selfie: 10 megapixels, autofoco de pixel duplo, f / 2.2

Fotos com boa iluminação

Ao tirar fotos com o Galaxy Note 10+, comprovamos que as câmaras da Samsung são simplesmente muito rápidas, tanto ao focar quanto ao disparar e guardar fotos. Outra particularidade dos smartphones Galaxy são as cores muito fortes, especialmente com vermelhos que podem ser demasiado para o gosto de alguns. No teste de câmara, o Samsung Galaxy Note 10+ conseguiu fotos muito bonitas, principalmente devido à dinâmica da imagem e à exposição equilibrada. As opções de AI analisam os cenários à frente da lente e diz como ter a foto perfeita, pode ser bastante útil para iniciantes, mas oferece pouco valor acrescentado a fotógrafos mais experientes.

Com o Samsung Galaxy Note10, os criadores de conteúdos e utilizadores podem utilizar ferramentas de topo, para gravar vídeos incríveis e tirar fotos impressionantes – para que os seus canais, stories e publicações se destaquem e tenham mais impacto.

Recursos extra das câmaras do Galaxy Note10+

  • Tecnologia de vídeo Premium: os Galaxy Note10 permitem aos utilizadores gravar vídeos sem terem de utilizar dispositivos adicionais e complementares. O modo Video Live Focus adiciona profundidade de campo para que possa desfocar o fundo dos vídeos. O Microfone Zoom In amplifica o áudio e elimina os ruídos de fundo, para o ajudar a focar o som daquilo que quer ouvir. Além disso, o novo e melhorado modo Super Steady estabiliza a gravação, e está agora disponível também no modo Hyperlapse para ajudar na estabilização de vídeos time-lapse.
  • Fácil e rápida edição de vídeo: depois de gravado, o Galaxy Note10 permite também editar o vídeo diretamente no smartphone. O Video Editor pode ser utilizado com a S Pen, para que, em vez de tocar para selecionar ou editar a peça, os utilizadores possam selecionar o exato momento que querem cortar. Para os criadores que precisam de ainda mais controlo nos seus conteúdos, o Adobe Rush - que poderá ser descarregado para o Galaxy Note10 – oferece um conjunto sofisticado de ferramentas de edição, agora ainda mais completas com a ajuda da S Pen.
  • Gravação de Ecrã: para os gamers que querem personalizar os seus streams, ou vloggers que procuram melhorar os seus tutoriais, o Galaxy Note10 apresenta o Screen Recorder. Grave facilmente o seu ecrã, adicione reações e utilize a S Pen para escrever notas enquanto grava, para vídeos mais apelativos e interessantes.
  • Doodle RA/3D Scanner: o novo smartphone integra funcionalidades de RA (Realidade Aumentada) e 3D na sua câmara. Juntamente com a câmara ultra grande angular, estas opções abrem um novo conjunto de oportunidades para os criadores. Com o Doodle RA, é possível utilizar a S Pen para personalizar as fotografias com desenhos dinâmicos, efeitos e animações. Com o 3D Scanner, uma das inovações presentes no novo smartphone da Samsung, a câmara de profundidade 3D do Galaxy Note10+ oferece aos utilizadores a possibilidade de fazer um scan de qualquer objeto e transformá-lo instantaneamente numa renderização 3D.
  • Modo Noite: as pessoas tiram muitas selfies em ambientes de pouca luz – em jantares, concertos ou a ver o pôr-do-sol. O Modo Noite, disponível na câmara frontal, tira selfies impressionantes independentemente das condições de luminosidade onde se encontra.

Outra novidade interessante é o facto de podermos usar  a S Pen como um obturador remoto para o Samsung Galaxy Note 10+, que pode ser verdadeirament útil em algumas situações . Na fotografia criativa, especialmente com a lente grande angular com ângulo de visão de 123 graus conseguimos ter muito mais conteúdo na foto, mais ainda do que com o Huawei P30 Pro. O zoom 2X, por outro lado, não é particularmente útil para tirar fotos de objetos distantes, mas é mais útil para retratos.

Ao fotografar em close-up no modo automático ou Pro, não vemos nenhum borrão artificial em segundo plano, este ligeiro efeito aparece de forma absolutamente natural e isso é excelente! As fotos parecem muito naturais e são muito semelhantes ao que o olho humano vê. O Galaxy Note 10+ também capta cores e iluminação de forma muito competente e a nitidez da imagem é excelente.

O Samsung Galaxy Note 10+ tem quatro tipos de modos Bokeh  diferentes que podem ser ajustados em intensidade. Com a ajuda da câmara TOF e das três lentes, o Note 10+ reconhece o objecto na frente da câmara com muita precisão e faz dos retratos uma das suas especialidades. O modo Live Focus também é excelente, mas só funciona com pessoas, porque o software tem que reconhecer um rosto.

Fotos com pouca luz

A capacidade de tirar fotos com pouca luz já transversal a muitos modelos e marcas de smartphones, embora o desempenho do Galaxy Note 10+ tenha sido bom em situações de pouca luz, não é bom o suficiente para alcançar o topo da melhor câmara de smartphone.

Neste ponto o Huawei P30 Pro consegue indubitavelmente melhores resultados. A Samsung tem o seu próprio modo noturno, mas não consegue acompanhar o da Huawei.  Mais importante, no entanto, são as fotos no modo automático, porque é o que é usado pela maior parte dos utilizadores. As imagens, que o Galaxy Note 10+ regista em salas mal iluminadas e ao entardecer, captam acima de tudo cores muito reais. As imagens não são muito iluminadas e aproximam-se daquilo que o olho humano vê.  O ruído da imagem é evidente em condições de iluminação diminutas. Outros smartphones produzem fotos tecnicamente melhores nestas condições, mas em termos de cores, o Galaxy Note 10+ está no ponto. Este elogio é válido apenas para a câmara com a distância focal normal e a abertura que é ajustada em condições de pouca luz para f / 1.5. Tanto a câmara de Zoom quanto a câmara grande angular decepcionam um pouco em situações de pouca luz.

Selfies

A câmara selfie do Galaxy Note 10+, localizada no ecrã  Infinity-O destaca-se pela positiva. As selfies mostram contrastes nítidos, cores vivas e uma exposição muito equilibrada. Com o novo Galaxy Note, podem usar os efeitos de foco ao vivo - tanto para fotos quanto para vídeo - também na câmara frontal, mas sem o suporte da câmara TOF na traseira. Mas não há muitas diferenças, o reconhecimento de objetos funciona igualmente bem. No caso das câmaras selfie, o Galaxy Note 10+ assegura a liderança.

Vídeos

Os efeitos de foco ao vivo para vídeos estão entre as inovações mais importantes do Samsung Galaxy Note 10+. permitem a escolha entre dois diferentes efeitos bokeh, um efeito de cor e um modo em que parece haver interferências ou uma gravação VHS. Quanto aos vídeos normais sem filtros o Samsung Galaxy Note 10+ vai até um máximo de 4K a 60 fps. também pode gravar vídeos na proporção de 1: 1 - perfeito para o Instagram! O suporte a HDR10 + É intitulado "Labs", ainda parece estar em versão beta. Funciona apenas na câmara principal, não em vídeos de selfie. A qualidade de imagem, a estabilização e o som estão a um nível alto.

Software Galaxy Note10+

O Galaxy Note10+ vem com a OneUI 1.5, que é baseada em Android Pie 9. Tal como acontece com o Galaxy S10 Plus, sou um grande fã desta versão do Android. Os elementos do ecrã são grandes e fáceis de alcançar, e há recursos interessantes como capturas do ecrã completas e gravador do ecrã integrado. A Samsung incluiu um tema escuro também.

As maiores novidades ao nível de software que chegam ao Note10+ são uma experiência melhorada da Dex juntamente com uma nova parceria com a Microsoft chamada Link to Windows. O Dex agora funciona com qualquer computador com qualquer cabo USB. Isso significa que não precisam de um ecrã dedicado para usar a plataforma. De certa forma, isso desvirtua o argumento de o Dex ser algo para substituir o PC. Dito isso, é bom poder movimentar arquivos entre o telefone e o computador com mais naturalidade e até executar aplicações no desktop virtual.

O Link to Windows é uma opção que podem ativar e desativar na janela de notificação. O recurso permite que recebam mensagens , fotos e outras notificações no vosso PC com Windows. A Samsung espera que esta seja uma alternativa adequada ao ecossistema da Apple, que conecta perfeitamente coisas como mensagens de texto entre o o Mac e o iPhone. Usá-lo para partilhar fotos é o mais útil para mim, pessoalmente, quanto às notificações, eu não quero mais notificações no meu PC.

Audio Samsung Galaxy Note10+

  • Sem entrada fone de ouvido
  • Auto-falantes stereo

A Samsung tem sido uma das poucas fabricantes de smartphones premium que mantinha a entrada para o conector analógico, e removê-lo da série Note pode ter sido um duro golpe para alguns fâs.

A Apple deve estar às voltas no túmulo

A Samsung defendeu durante muito tempo os fones de ouvido. Os concorrentes como a Apple e Huawei foram mais rápidas em deixar cair o pobre Jack 3.5mm nos seus equipamentos e a Samsung com a sua linha Note era o último baluarte deste recurso que está prestes a desaparecer para sempre.

Embora estejamos mais do que um pouco tristes em vê-lo partir, não ficamos surpresos e consideramos que a Samsung estava apenas a adiar o inevitável. Adeus Jack 3.5mm. Godspeed.

A verdade é que as pessoas já se habituaram à ausência do Jack de 3.5mm. Com isso dito, o Note10+ tem som stereo. colunas com Dolby Audio e também suporta Bluetooth 5. As colunas têm um bom som , se para vocês um bom som em alta voz é importante o Note10+ é uma ótima escolha.

S Pen Galaxy Note10+

Não se pode analisar um dispositivo Galaxy Note sem falar da S Pen. Este ano, a Samsung adicionou alguns novos recursos. Nenhum deles é na verdade particularmente revolucionário, mas a Samsung está de parabéns, por tentar tentar torná-la ainda melhor. A S Pen na série Galaxy Note10 possui um giroscópio, que permite a execução de AirGestures.

S Pen parece uma varinha de condão com os seus "AirGestures"

Além do hardware de ponta, a Samsung também trouxe melhorias à caneta S Pen, acessório que é um dos grandes diferenciais da linha Note para outros dispositivos. Todos os anos a empresa sul coreana inclui novos recursos compatíveis com a caneta e em 2019 temos novos "AirGestures" que permitem fazer ainda mais com a esta Stylus em esteróides. Com a S Pen é possivel fazer Zoom na câmara, mudar de modo da fotografia, fazer slide em documentos até a 40mts de distância do dispositivo. Paralelamente um carregamento de 6 minutos dará para até 10h de utilização o que torna esta S Pen a mais poderosa e versátil de sempre.

O Galaxy Note10 recebe um novo sistema de controlo por gestos. Batizado de "Air Action Gestures" pela Samsung, a tecnologia foi incorporada também no tablet Galaxy Tab S6 e usa um acelerômetro que foi integrado na caneta S Pen. Essa novidade permite utilizar gestos à distância para controlar algumas das funções do dispositivo, como tirar fotos, mudar de música ou avançar para o próximo slide numa apresentação.

As 10 melhores funções da S Pen do Galaxy Note10 Plus

 

Destaques S Pen Galaxy Note10+

  • Transformar caligrafia em texto: os Galaxy Note10 oferecem uma nova funcionalidade poderosa à redesenhada S Pen. Agora, os utilizadores podem tirar apontamentos à mão, convertendo-os em texto digital através da aplicação Samsung Notes e exportá-lo numa variedade de formatos, incluindo Microsoft Word. Além disso, os utilizadores podem também personalizar as notas aumentando ou estreitando o texto. Em alguns instantes, apontamentos de reuniões podem ser formatados e partilhados; e momentos de inspiração podem rapidamente tornar-se em documento editáveis.
  • Evolução da S Pen: com tecnologia Bluetooth de Baixa Energia (BLE – Bluetooth Low-Energy), a nova e melhorada S Pen apresenta agora Air Actions (interações remotas), permitindo ao utilizador controlar diversas funcionalidades do dispositivo utilizando apenas os gestos e movimentos realizados com a S Pen. Além disso, ao abrir o SDK (Software Development Kit) do Air Actions, os developers podem criar gestos e movimentos personalizados para que os utilizadores Galaxy Note utilizem a funcionalidade Air Actions em jogos e aplicações.
  • Samsung DeX melhorado: os Galaxy Note10 expandem as capacidades do Samsung DeX, facilitando o trabalho entre o telemóvel e o PC ou Mac. Com uma simples ligação USB compatível, os utilizadores podem arrastar os seus ficheiros entre dispositivos, e utilizar as suas aplicações móveis preferidas com um rato e teclado, enquanto mantêm os dados seguros no seu telemóvel, graças ao Samsung Knox.
  • Link to Windows: os novos smartphones da Samsung integram o Link to Windows diretamente no Quick Panel.  Com apenas um clique, os utilizadores podem conectar-se ao seu PC com Windows 10, onde podem visualizar notificações, enviar e receber mensagens e rever fotos recentes sem olhar para o seu smartphone.

 

 

Especificações Samsung Galaxy Note 10+

  • Ecrã: 6,8 polegadas Infinity-O AMOLED: Dynamic Amoled Infinity-O Display 3040x1440 (498 dpi), HDR10+
  • Processador e memória: Snapdragon 855+/Exynos9825 (dependendo da região) e 12GB de RAM
  • Armazenamento: Até 512 GB
  • Ultra Wide: 16MP F2.2 (123º) + Wide Angle: 12 MP 2PD AF F1.5/F2.4 OIS (77º) +Telephoto: 12MP F2.1 OIS (45º) + DephtVision Camera: VGA F1.4 (72º)
  • Câmara Frontal: 10MP 2PD AF F2.2 (80º)
  • Bateria: 4300 mAh
  • S-Pen com "AirActions"

Veredicto Análise Galaxy Note10+

Quando falamos de Smartphones estamos na verdade a falar do que significam para as pessoas que os vão usar. Determinar se um equipamento vale ou não o dinheiro que é pedido por ele é uma decisão individual de cada utilizador, o que pretendemos nas nossas análises é mostrar a nossa experiência com os terminais e ajudar (esperamos) a tomarem uma decisão informada. O preço base de 1129,90€ do Note10+ é um dos mais altos em qualquer smartphone, estamos claramente a falar de dispositivos premium e o preço está em linha com os restantes terminais no mesmo segmento.

Quando comparado com o Galaxy S10+ o Note10+ tem armazenamento UFS 3.0 mais rápido uma maior capacidade de armazenamento na versão base, um display maior e mais brilhante, a S Pen cheia de novidades e mais RAM . Temos também o Huawei P30 Pro que vence na polivalência da câmara e bateria mas perde no ecrã e versatilidade da S Pen.

Dito isto, ficamos com a S Pen e o design como os maiores diferenciais entre o Note10+ e outros dispositivos de topo. Pessoalmente, a caneta é um recurso que valorizo muito. É útil para editar imagens, fazer capturas detalhadas, extrair texto entre todas as outras funções que detalhámos acima.

O Galaxy Note10+ é no seu conjunto o mais poderoso equipamento no mercado, sustentamos esta afirmação com base no seu mais recente processador Exynos 9825, uns incríveis 12GB de RAM (que são um pouco OverKill), um ecrã extraordinário e um software polido. Se os valores abaixo se enquadram no vosso orçamento para um SmartPhone, não hesitem.

Long Live The Note

Samsung Galaxy Note10 256GB: 979,90€
Samsung Galaxy Note10+ 256GB: 1129,90€
Samsung Galaxy Note10+ 512GB: 1229,90€

Análise Samsung Galaxy Note 10 Plus. Pacote completo do melhor que a indústria tem
Análise Samsung Galaxy Note 10 Plus. Pacote completo do melhor que a indústria tem 2

O Galaxy Note10+ é no seu conjunto o mais poderoso equipamento no mercado, sustentamos esta afirmação com base no seu mais recente processador Exynos 9825, uns incríveis 12GB de RAM (que são um pouco OverKill), um ecrã extraordinário e um software polido.

Editor's Rating:
5

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais