Apple novamente processada em tribunal, desta feita referente a tecnologia sem fios

A empresa apresentou uma ‎‎queixa‎‎ ao Tribunal Distrital dos EUA para o Distrito Ocidental do Texas, contra a gigante de Cupertino por infringir uma única patente concedida em 2020.

‎A Apple‎‎ acaba de ser atingida por mais um processo no início desta semana. A XR Communications entrou com uma ação judicial contra a empresa alegando que vários dos seus produtos infringiram a sua patente de tecnologia sem fio MIMO.‎

Apple novamente processada em tribunal, desta feita referente a tecnologia sem fios 1

‎A empresa apresentou uma ‎‎queixa‎‎ ao Tribunal Distrital dos EUA para o Distrito Ocidental do Texas, contra a gigante de Cupertino por infringir uma única patente concedida em 2020. Na ação judicial, uma série de produtos foram mencionados, incluindo o ‎‎iPhone 6s‎‎ e superiores, a todos os modelos de iPad da primeira geração, ‎‎iPad Air‎‎ e ‎‎iPad mini 2‎‎, todos os modelos Mac lançados desde 2016, e a ‎‎Apple TV 4K‎‎. A XR Communication citou a violação da patente dos EUA ‎‎nº 10.715.235‎‎ por ‘Directed wireless communication.’

‎Embora a tecnologia citada na ação judicial seja específica, o sistema descrito na denúncia é usado por um grande número de fabricantes no mercado que oferecem dispositivos com recursos Wi-Fi. A patente em questão foi desenvolvida pelo extinto especialista em infraestrutura WiFi Vivato Technologies, fundado em 2000. Enquanto que a fabricante do iPhone já possui uma série de patentes relacionadas a comunicações MIMO e tecnologias relacionadas, a ação judicial da XR Communications, arquivada como Vivato, busca indemnizações por royalties passados e contínuos, taxas judiciais e injução cautelar no seu caso.‎

Relacionado:  Huawei oferece serviços aos prejudicados pelas enchentes de Henan

Apple novamente processada em tribunal, desta feita referente a tecnologia sem fios 2

Em notícias relacionadas com a marca, a gigante com sede em Cupertino pretende vender os seus iPhones, iPads, smartwatches e muito mais nas lojas da fabricante sul-coreana de eletrónicos LG, no seu país. Isso faria com que ela vendesse produtos em mais de 400 lojas físicas "LG Best Shops". E esta notícia chega depois da LG anunciar recentemente que está a fechar as portas do seu negócio de smartphones.

Por outras palavras, a Apple poderá estar a tentar aproveitar o espaço de lojas físicas, que antes eram usadas pela LG para comercializar os seus equipamentos.‎

Leiam as últimas notícias do mundo da tecnologia no Google News , Facebook  e Twitter e também no nosso Grupo de Telegram
Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!