Aplicações para iOS são mais vulneráveis que as aplicações do Android

Segundo uma pesquisa feita pelas empresas Checkmarx e AppSec Labs, que visava verificar a segurança das aplicações móveis, concluiu que as aplicações para iOS são menos seguras do que as criadas para Android. Segundo o estudo , uma aplicação mobile tem em média nove vulnerabilidades.

Aplicações para iOS são mais vulneráveis que as aplicações do Android

 

Segundo uma pesquisa feita pelas empresas Checkmarx e AppSec Labs, que visava verificar a segurança das aplicações móveis, concluiu que as aplicações para iOS são menos seguras do que as criadas para Android. Segundo o estudo , uma aplicação mobile tem em média nove vulnerabilidades. Das falhas do iOS, 40% foram consideradas críticas ou de alta gravidade; no Android esse índice foi de 36%.

Os pesquisadores testaram centenas de aplicações de diversos tipos, e descobriram que até as aplicações de home banking possuíam problemas de segurança como falha as autenticação.

A vulnerabilidade mais comum e responsável por 27% das falhas encontradas, foi a de "roubo" de informações pessoais ou sensíveis. Problemas de autenticação e autorização ficaram no segundo posto com 23%, seguidos pela gestão de configuração, com 16%. Outras vulnerabilidades encontradas foram a disponibilidade, criptografia fraca, descoberta de informações técnicas, como logs da aplicação, e manipulação de validação de entrada.

Relacionado:  Análise Warhammer 40 000 Mechanicus para Android

O estudo constatou que as vulnerabilidades de autorização e autenticação foram as mais perigosas, com 60% delas sendo consideradas críticas ou de alta gravidade.

 

Todos os dias vos trazemos dezenas de notícias sobre o mundo Android em Português. Sigam-nos no Google Notícias. Cliquem aqui e depois em Seguir. Obrigado!