Android Geek
O maior site de Android em Português

Análise Sony CAS-1

O Sony CAS-1 é um conjunto muito especial, que é na prática um par de altifalantes passivos alimentados por um amplificador externo. A Sony promete uma qualidade de som e uma experiência máxima. Infelizmente, este sistema de som não permite ligação a TV’s ou sistemas de vídeo.

Análise Sony CAS-1 1

O sistema de áudio Sony CAS-1 com dois amplificadores dedicados e um sistema de duas colunas separadas recria, de forma precisa, os espaços de som originais, proporcionando experiências de áudio de alta resolução através das colunas ou auscultadores. Cada nota subtil daquela música que estamos a ouvir, enche todo o espaço de ricos detalhes, mesmo em baixos volumes. Permite ainda desfrutar de uma fácil transmissão de áudio por Bluetooth de elevada qualidade a partir do nosso smartphone Android.

Este sistema foi projetado para ser elegante e discreto, e aqui podemos dizer claramente que a missão for bem sucedida. Mesmo ao lado de um computador portátil de 15 polegadas, este sistema parece ridiculamente pequeno, para além de muito leve. O conjunto tem uma construção sólida e acabamento de muita qualidade. O chassi de altifalantes é construido em MDF de 12 milímetros. Cada coluna tem quatro tachas de metal, muito bem construidas e que permite um apoio perfeito das mesmas, mesmo que o piso onde vão assentar não seja totalmente liso. As duas tachas frontais de cada uma das colunas podem ser retiradas e substituídas por outras um pouco mais longas de modo a inclinar o altifalante para cima.

 

As colunas vêm com dois pedestais de metal, que são muito mais pesados do que os próprios colunas.

Por fim, elas ligam-se ao amplificador através de um bloco com um terminal de dois cabos. A Sony especifica que estes terminais podem ser substituído por um sistema de fichas de banana (certamente opcional).

Análise Sony CAS-1 2

O amplificador, por seu lado é revestido por um plástico emborrachado, muito suave ao toque. Há frente tem um enorme botão de controlo de volume com um LED branco, um botão de energia, um botão para a escolha da fonte, uma entrada USB (escondida atrás de uma tampa) e a típica entrada mini-jack de 3,5 mm. Na traseira temos toda a configuração deste sistema. Temos os terminais para ligar as colunas, a porta USB, um botão de emparelhamento Bluetooth (LDAC) e dois switches. O primeiro switch (o de cima) serve para selecionar um dos dois níveis de ganho (auscultadores de alta ou baixa impedância). O segundo, ativa ou desativa, o  “desligar automático” após 20 minutos de inatividade do CAS-1. Então e o line in de 3,5mm? Não, não me esqueci de mencionar… o Sony CAS-1 não disponibiliza uma porta mini-jack de entrada de 3,5 mm. É uma das mais surpreendentes escolhas por parte da Sony, especialmente quando sabemos da imensa popularidade/utilidade deste conector.

Por isso se estavas a pensar adquirir um aparelho destes para ligar a uma TV, ou a uma consola de jogos, podes esquecer.

No entanto, este amplificador é muito fácil de se usar. Os controlos são bastante intuitivos e são assistidos por um pequeno controlo remoto que nos ajuda a controlar grande parte das suas funcionalidade. É possível, através da aplicação Songpal (disponível para Android e iOS), o acesso a comandos remotos e algumas características extra (ESSB HX, por exemplo). Finalmente, o emparelhamento Bluetooth é muito fácil, auxiliado neste exercício por um chip NFC que se encontra no topo de amplificador.

Então e a qualidade do som?

Dado o seu reduzido tamanho, o CAS-1 impressiona bastante nas suas prestações, bastante homogéneo, e que confesso que me deliciou em todos os momentos. No entanto, não é um sistema perfeito e livre de defeitos. O desempenho em situação com e sem fios é muito semelhante e com muita qualidade.

Os altifalantes são muito eficazes e precisos tendo em conta a sua dimensão.  Eles respondem bem, com boa clareza e boa definição. No entanto, os altifalantes são muito diretos, e a Sony enfatiza este ponto, por isso para tirar o maior partido deste sistema de som tem de os colocar na posição ideal (posição ideal de audição) para obter uma melhor prestação. Felizmente, a Sony indica precisamente como coloca-los ara obter o melhor desempenho.

O amplificador dos headphone faz um excelente trabalho e qualidade reproduzida não poderia ser mais preciso. Ele oferece uma boa potência e, por consequência, é possível usar uma ampla gama de auscultadores, mesmo aquelas com elevada impedância.

Em suma o Sony CAS-1 oferece uma boa potência, a suficiente para uma audição privada muito confortável.

 

Conclusão

O CAS-1 é uma solução interessante e de alta qualidade para quem tem muito pouco espaço na mesa ou quer um sistema de som o mais discreto possível. Apesar das suas boas prestações e com uma qualidade compacta, mostra-se um pouco limitada em termos de ligações. A não incorporação de uma porta de entrada de 3,5mm é uma enorme falha da  Sony, que também não tinha nada a perder em colocar uma entrada ótica.

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma 😉

Este Website usa cookies para providenciar uma melhor experiência. Pode recusar se desejar. Aceitar Saber Mais

Partilhar é importante, mostra este artigo aos teus amigos!

Obrigado, ficamos a dever-te uma ;)
close-link