É verdadeiramente alucinante o ritmo a que a Xiaomi lança smartphones para o mercado. Com uma média de um aparelho apresentado a cada dois meses, depois dos Redmi 3S e do Redmi Pro, a fabricante chinesa completa o seu portfólio de 2016 com a apresentação do Redmi Note 4.0B5CUt KUpXFUMW8zUU1sV0xkNU0 Xiaomi Redmi Note 4 apresentado oficialmente na China image

O Redmi Note 4 tem a árdua tarefa de suceder ao Redmi Note 3, um dos smartphones mais vendidos na ásia, em especial na Índia. Como era esperado, o novo aparelho da linha low cost Redmi, da Xiaomi,
vem com uma aparência premium, características muito interessantes e acima de tudo um preço muito acessível.

Redmi Note 4 com construção em metal e ecrã Full HD

Repetindo a receita de sucesso do seu antecessor, o Redmi Note 4 apresenta um design unibody inteiramente metálico mas desta vez com um acabamento em metal escovado e cantos arredondados. Mais uma vez, o sensor de impressões digitais marca presença na traseira do aparelho, por baixo do módulo fotográfico. À frente surgem os habituais três botões capacitivos típicos da linha Redmi.

Do ponto de vista técnico, este smartphone vem com um display de 5,5” Full HD coberto por um vidro de acabamento em 2,5D. A performance fica a cargo de um processador MediaTek Helio X20 de dez núcleos juntamente com a GPU Mali T880MP4. Foram apresentadas duas variantes: um com 16 GB de memória interna e 2 GB de RAM e outra com 64 GB de memória interna e 3 GB de RAM. Podemos ainda contar com armazenamento expansível via cartão micro-SD e suporte (hibrido) para dual SIM. Tudo isto é alimentado por uma bateria de enorme capacidade de 4100 mAh.

Quanto à fotografia, fica entregue a um sensor traseiro de 13 MP f/2.0 com PDAF e um sensor frontal de 5 MP para as selfies. O Redmi Note 4 será o primeiro aparelho a correr MIUI 8 de fábrica baseado no Android 6 Marshmallow. Recorde-se que o MIUI é uma interface altamente personalizável criada pela própria Xioami, que corre em cima do sistema operativo Android, com um estilo muito semelhante ao iOS.

Relacionado:
Xiaomi com dois novos smartphones?

A versão de 16 GB de armazenamento e 2 GB de RAM vai custar cerca de 899 CNY (~ €120), enquanto que a variante superior de 64 GB de armazenamento e 3 GB de RAM naturalmente será um pouco mais cara mas ainda assim a um preço extremamente acessível de 1199 CNY (~ €160). Para já o Redmi Note 4 só estará  à venda na China e ainda não existem informações acerca da sua disponibilização nos mercados ocidentais.