SunPartner apresenta o primeiro painel solar inserido em um ecrã.

Durante anos, temos visto baterias externas ou mesmo capas que têm painéis solares para fornecer carga extra para quando aparelho está com pouca energia .  Mas e se pudesses ter o painel solar construído diretamente no próprio ecrã ?

Essa é a intrigante ideia por de trás do visor de cristal  “Wysips” apresentado na “Mobile World Congress”.
O painel solar é quase transparente e está  inserido entre o painel de LCD e  o visor sensível ao toque.

SunPartner demonstrou um protótipo do painel, afirmando que  pode gerar 2,5 miliwatts de potência por milímetro quadrado de um painel com 90 por cento de transparência.

Num aparelho”normal”  não se poderia iniciar o dispositivo com uma bateria morta, mas a empresa diz que com o painel solar é o suficiente para ligar e manter o telefone em “modo de espera infinita.”

De certos ângulos, consegue-se ver o painel solar que é parte do visor, mas não era muito perceptível.  A empresa diz que essa visibilidade será melhorada em futuras versões.

Outra opção apresentada poderia ser a de construir capas de proteção com os painéis embutidos. A empresa mostrou um capa protótipo,que não se parecia com um painel solar típico. Tal projeto poderia fornecer 30 por cento de carga a um smartphone em uma hora.

Ainda estando em negociações com várias empresas asiáticas para discutir a possibilidade de construção em massa dos visores/carregadores dizem estar para o ano disponíveis para venda ao consumidor.
Claro que o produto só será real se as empresas e consumidores adotarem esta tecnologia.

Relacionado:
Google Pixel e Pixel XL esgotados! Havia dúvidas?

Obviamente nunca se saberá se esta tecnologia será rentável até chegar ao consumidor em modo de produto final.
Agora que esta tecnologia está a avançar, pode ser que outras marcas entrem na corrida e apareçam com soluções idênticas ou parecidas para que nos possam resolver o grande problema que é o tempo limitado de bateria ao se dar um bom uso ao aparelho.