O até agora CEO da Motorola, Rick Osterloh, vai deixar a Lenovo a meio a uma grande reorganização da empresa chinesa. Com a saída de Osterloh, que supervisionou a equipa da Motorola após a compra pela Lenovo no ano passado, as partes restantes do segmento mobile da empresa passam a ser comandados pelos executivos Xudong Chen e Aymar de Lencquesaing.

Anunciada nesta sexta-feira, 18/3, a reorganização também traz mudanças para a unidade de PCs, que vai passar a incluir todos os tablets, phablets, e produtores para casas inteligentes com os sistemas Windows, Chrome OS e Android.
motorola-president-rick-osterloh.jpg

Agora chamada de PC & Smart Device Business Unit, a unidade em questão passará a ser comandada pelo ex-executivo da Acer, Gianfranco Lanci.

Depois de a Lenovo ter anunciado no início deste ano o fim da marca Motorola, a incerteza naquela empresa continua, Isto porque a Lenovo informou que os smartphones da Motorola continuariam a vendidos pela Lenovo apenas possuindo os logótipo Moto.

 

FONTE

Relacionado:
Moto M Plus surge em imagens na web