O lema do famoso jogo Pokemon Go é “Apanha-los Todos” , mas quem já jogou sabe que é mais fácil dizê-lo que fazê-lo. Assim sendo, toda e qualquer ajuda na tarefa de apanhar todos os 151 monstrinhos espalhados pelo mundo será muito bem vinda.

Mas mesmo com ajuda a missão continua a ser apenas exequível para os verdadeiramente dedicados pois alguns deles são exclusivos para determinados países, no entanto com um PowerBank carregado, uns ténis confortáveis e muito tempo livre é possível apanhar a maior parte deles.

0B5CUt KUpXFUTVhiSl9jTElwdFE Poké Hound revela as localizações mais importantes no Pokemon Go image

Para auxiliar nesta tarefa foi descoberta uma forma de ler os dados contidos nos servidores de Pokémon GO, desta forma é possível determinar a localização de diversas espécies, e assinala-las no mapa para que jogadores possam encontrar os Pokemons que procuram de forma mais precisa.

Além de mostrar os Pokémons no mapa, o serviço chamado  de “Poké Hound” também mostra o tempo que eles ficarão disponíveis naquela determinada localização,o que pode poupar alguns kms em viagens perdidas.

Existem outras alternativas gratuitas como por exemplo o serviço do site Pokevision.com, mas com 20x menos informação segundo os programadores do “Poké Hound”.

Estas vantagens têm um custo de US$4.99 semanais; mas podem testar o serviço de forma gratuita durante uma hora antes de gastarem um cêntimo que seja.

Relacionado:
Flash é a resposta do Facebook ao Snapchat

Vamos apanha-los todos?