Diz-se que um azar nunca vem só, e parece que a Samsung está a comprovar esta teoria com a nova versão do Galaxy Note 7. Depois de um recall forçado do dispositivo que obrigou a sul coreana a recorrer a investimento de capitais para cobrir as perdas de aproximadamente 8% nos lucros, a solução encontrada foi produzir em massa uma nova versão deste terminal que “limpe” a imagem da marca e volte a ganhar a confiança dos consumidores nos seus equipamentos.

0B5CUt KUpXFUOUF4RkFJcFhJcHc Oh não! Parece que o Galaxy Note 7 corrigido também está com problemas image

Infelizmente ,um novo problema está a surgir, o mesmo foi identificado por consumidores sul-coreanos. Aparentemente, alguns dos que trocaram o dispositivo por uma versão sem defeito estão a reclamar de superaquecimento e perda da carga da bateria enquanto o aparelho está ligado à corrente.

Não se sabe ainda a quantidade exata de dispositivos com problema, e a Samsung ainda não divulgou o número de reclamações até o momento. Até agora, um representante da marca declarou apenas que o problema é “não relacionado com as baterias”, referindo-se a eles como“casos isolados”. De acordo com este porta-voz, a questão pode estar relacionada a um problema de produção em massa.

A Samsung já se encontra a analisar este caso, a última coisa de que precisam é se um novo #notegate. Esta situação foi apenas reportada na Coreia do Sul, enquanto que nos EUA já foram trocados cerca de 500 mil Note 7 e não houve até ao momento relatos semelhantes.

Relacionado:
Android 7.1 Developer Preview final já foi lançada

A Samsung conta ter esta nova versão disponivel nos mercados em novembro do corrente ano, esperamos que corra tudo bem, e que acima de tudo a segurança dos consumidores não seja posta em causa.

 

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.