Meizu MX5 Pro parecido ao Galaxy Note 5

Já foi veiculado que a MEIZU iria descontinuar a sua linha MX Pro, no entanto ainda não vimos o último desta espécie, isto porque foram divulgadas informações que apontam para o lançamento de um destes “monstros” ainda no ano de 2015.

Um site asiático (mobile-dad.com ) revela imagens do provável futuro flagship da companhia chinesa, revelando aspectos sobre o seu design e especificações técnicas. Embora o visual seja similar a de seu antecessor apesar de dimensões mais reduzidas:

meizu mx5 2 Meizu MX5 Pro parecido ao Galaxy Note 5 image meizu mx5 Meizu MX5 Pro parecido ao Galaxy Note 5 image:

 

Apesar do screenshot que revelaria características mais técnicas estar borrado, a fonte afirma a utilização de 4 GB de RAM e o chipset Exynos 7420, exactamente como as novidades da gigante da Coreia do Sul estrearam nesta semana. Nota-se que o segundo componente ainda se mantém como um dos melhores no atual mercado de telefonia móvel, com um processador 64-bit de oito núcleos, podendo alcançar até 2,1 GHz em clock, e a ARM Mali-T760 como placa gráfica, oferecendo um desempenho vantajoso do sistema operacional. Caso isto seja verdade, não seria a primeira vez que a Meizu usaria uma parte interna feita por um  ‘rival’.

Continuando a observar as imagens disponibilizadas de forma não oficial, estima-se que o botão home, localizado na parte frontal da carcaça, funcione como um leitor de impressões digitais, que, além de eliminar a necessidade de senhas, padrões e demais quebras-cabeça na validação do usuário, ainda permite que sistemas móveis de pagamento sejam utilizados, como o próprio Android Pay ou PayPal. Finalizando em termos de construção, há a possibilidade da carcaça do MX5 Pro, ou qualquer que seja seu nome comercial, seja feita inteiramente em metal, promovendo uma experiência duradoura e agradável aos consumidores.

Relacionado:
Meizu M5 Note com data de lançamento oficializada e preços revelados

Em outros rumores, o mesmo aparelho já apareceu com uma câmara de 21 megapixels, provavelmente com sensor interno feito pela Sony, integrando a linha IMX da japonesa. A plataforma, alegadamente, responsável por comandar isso tudo seria o Android 5.1 Lollipop, modificado pela interface própria da Meizu, Flyme OS.

 

FONTE

PARTILHAR
Artigo anteriorUMi Hammer S em pré-venda
Próximo artigoHuawei parceira tecnológica do Bi-Campeão 2015/2016
Fundador do Androidgeek.pt ,trabalho em TI há dez anos. O desafio de gestão de equipas com foco nas necessidades do mercado deu-me o background certo para abraçar vários projetos online, nos quais aproveito a minha experiência em duas das minhas paixões: Tecnologia e Escrever. Sou um profissional dedicado com vasta experiência em todas as áreas de Gestão de TI e Gestão de serviços na área de Tecnologias de Informação. Sou apaixonado por tecnologia, Android, Publicidade, Marketing Digital e posicionamento estratégico.