A Lookout, empresa especializada em segurança, afirma ter encontrado uma falha de segurança em todos os dispositivos com Android 4.4 KitKat e superiores, o que significa que na prática afeta cerca de 80% de todos os dispositivos Android, mais concretamente 1,4 biliões de pessoas.

0B5CUt KUpXFUVURTQkdGbTF3S2s Linux com falha que afeta 80% dos dispositivos Android image

O erro está presente na versão 3.6 do kernel Linux e oferece um “Backdoor” para que utilizadores mal intencionados possam encetar ligações de um dispositivo com os servidores e aplicações.
A vulnerabilidade também poderá ser explorada para espiar o tráfego não criptografado ou injetar malware ou software de phinshing no fluxo de dados do utilizador.

Em resposta a esta falha, a Google afirmou que considera a mesma como risco “moderado” e irá “tomar as medidas apropriadas”.

A gigante de Mountain View afirmou também que a falha reside dentro de versões vulneráveis do kernel do Linux e não é um problema específico do Android.

Pessoalmente penso que esta é mais uma daquelas pseudo-falhas que nunca ninguém é afetado por ela. No entanto é sempre bom ter conhecimento da situação.

Conforme já expressei a minha opinião em  artigos anteriores, volto a informar que este tipo de informação, parece-me que só é tornada publica, por estas empresas de segurança com o intuito de elevar o nome das próprias empresas, ou com o intuito de fazer os utilizadores usarem softwares por si desenhados. E é o que me parece neste caso em especifico, uma vez que a empresa tem um software de segurança na playstore, que até foi atualizado no dia de ontem.

Relacionado:
Manual de utilizador do Huawei Mate 9 aparece na rede revelando alguns detalhes