HTC muda de estratégia e novos modelos da empresa deverão vir com processadores da Mediatek

Segundo alguns órgãos de comunicação social da especialidade, a HTC deverá estar prestes a lançar mas uma variante do seu atual topo de gama, One M9. E a fazer fé no que se diz, o modelo em questão deverá chegar já no próximo mês de Outubro, com o principal foco na substituição do polémico chipset Qualcomm Snapdragon 810 por um componente feito pela MediaTek.
A medida seria uma clara tentativa de recuperar os consumidores que foram afugentados pelas altas temperaturas apresentadas pelo estado inicial do smartphone de elite, seguindo os passos de seu irmão mais novo One M9+.

Ainda segundo as informações disponibilizadas, um chipset da MediaTek com processador de dez núcleos deve substituir o atual Snapdragon 810. Embora a numeração específica da parte interna não tenha sido divulgada, espera-se que o produto renovado traga a linha Helio X10, que até ao momento, é a opção mais poderosa da Mediatek. Sem se preocupar com o aquecimento do dispositivo, a HTC poderia oferecer todo o potencial da sua máquina, ao invés de reduzir a potência como tem feito para remediar os efeitos do calor emitido pela criação da Qualcomm.

Caso tudo aconteça como o especulado, a edição MediaTek do One M9 traria o restante das especificações técnicas já vistas no modelo original:

  • Ecrã de 5 polegadas com resolução Full HD (1920 x 1080 pixeis)
  • 3 GB de RAM
  • 32/64 GB de memória para o armazenamento interno
  • Câmara principal de 20MP e frontal de 4MP
  • Bateria de 2840 mAh
  • Android 5.0 Lollipop, modificado pela interface própria da HTC, Sense 6 (a sétima versão chegará apenas quando o Android M for disponibilizado publicamente)
Relacionado:
HTC Bolt é o novo topo de gama da HTC que deve estar a chegar

Como as soluções de chipset da MediaTek são mais baratas em comparação às alternativas similares da Qualcomm, tudo indica que o One M9 remodelado chegará às lojas por um valor inferior ao que foi cobrado pela versão principal do gadget. A título de comparação, os menores preços encontrados pelo topo de gama da HTC foram nos Estados Unidos da América, a partir de US$649 pela variação mais modesta. Como tal, espera-se que o dispositivo chegue com um valor inferior a US$ 600.

FONTE