A subsidiária da Huawei, a Honor, revelou o seu mais recente smartphone no mercado chinês, a Honor Note 8. O telefone vem para lutar pelo seu espaço com o Xiaomi Mi Max, oferecendo um ecrã de 6,6 polegadas com resolução QHD.

O Honor Note 8 vem ainda equipado com o SOC Hisilicon Kirin 955 e um GPU Mali-T880, ou seja, a mesma configuração que vimos na Huawei P9. O Note 8 vem com 4GB de RAM, 32, 64 ou 128GB de armazenamento interno, câmara de 13MPx na parte de trás, 8MPx na parte frontal com uma lente grande angular de 85 graus, sensor de impressão digital, 4G/LTE, e uma bateria de 4500mAh.

honor-note-8-china.jpg

O phablet tem as medidas 178,8 × 90,9 × 7,18 milímetros e pesa 219g. Ele chega às prateleiras das lojas na China a partir 09 de agosto, com a versão de 32GB a custar ¥2.299 ($345 / €309 / R$1122), o modelo de 64GB por ¥2.499 ($375 / €336 / R$1220), e a edição de 128GB por ¥2.799 ($420 / €376 / R$1365). Conforme podemos ver o Honor Note 8 custa mais US$100 mais do que o Mi Max , mas ele oferece um ecrã QHD, mais denso, e um SoC bastante mais rápido.

Desconhece-se para já da disponibilidade deste novo Honor no mercado global. Assim que tivermos novidades sobre esse assunto, informaremos. Fique atento.

Relacionado:
Como distinguir uma câmera dupla verdadeira de uma falsa?