Há muito que empresas como a Google e Apple têm andado taco-a-taco para saber quem vale mais. Na bolsa, a Google já ultrapassou duas vezes a “marca da maçã”. E ontem a empresa do grupo Alphabet voltou a ficar em primeiro lugar dessa lista. Segundo o ranking BrandZ, a Google é agora a marca mais valiosa. A subsidiária da Alphabet está avaliada em 229,198 mil milhões de dólares, ou seja, 201,782 mil milhões de euros. Cresceu 32% face ao ano passado. A diferença para a Apple, que liderou o ranking em 2015, é de pouco mais de 600 milhões de euros. A marca liderada por Tim Cook está avaliada em 228,46 mil milhões de dólares. Menos 8% do que em 2015.

0B5CUt KUpXFUVXJLVElDTlgydFE Google volta a ser a marca mais valiosa do mundo image

Em terceiro lugar manteve-se a Microsft, que cresceu 5% em 2016, para os 121,824 mil milhões de dólares. Entre os dez primeiros, destaque para entrada do Facebook. A rede social subiu sete lugares e registou um crescimento de 44% no valor de mercado, ultrapassando o patamar dos 100 mil milhões de dólares. A Marlboro e a Coca-Cola, por outro lado, saíram do top-10, ocupando os lugares 12 e 13, respetivamente. As 100 marcas mais valiosas do mundo estão avaliadas em 3,4 biliões de dólares (2,99 biliões de euros), o que corresponde ao produto interno bruto (PIB) da Alemanha.

Relacionado:
Samsung começa oficialmente com os testes do Android 7.0 Nougat