A Google quer o Android Wear e o Material Design juntos e felizes, e para isso criou uma página que ajuda os programadores a entender como deve ser criado o interface ideal para Android Wear, e evitar os erros mais comuns no desenvolvimento de aplicações para esta plataforma.

0B5CUt KUpXFUSy1XX1RNOGhhUFk Google quer que os utilizadores criem apps para o Android Wear 2.0 image

Como todos sabemos o Material Design é totalmente baseado na simplicidade e facilidade de utilização, o objectivo é que os utilizadores tenham uma experiência fluída e sem enganos ou erros devido a menus mal estruturados ou opções pouco explícitas.

A Google divide a visão criativa do Material Design para o Android Wear 2.0 em quatro temas fundamentais:

“Timely” (acções principais)

O item “Timely” ou acções principais é a forma de interacção do utilizador com as funções principais da plataforma, isto deve ser executado com base em sugestão de conteúdo e tomada de acções directas. Esta é uma das primeiras regras da criação de uma boa aplicação.

0B5CUt KUpXFUZ3JMSmxYN2pzVnc Google quer que os utilizadores criem apps para o Android Wear 2.0 image

“Glanceable” (visualização)

Relativamente à visualização, o ideal é que os apps não mostrem muito conteúdo de uma só vez . Os ícones devem ser grandes e deve haver pouco texto para que seja possível para o utilizadore entender de imediato o que está a acontecer e qual a informação a reter.

0B5CUt KUpXFUSll1ZlhjR21sQ2s Google quer que os utilizadores criem apps para o Android Wear 2.0 image

 

“Easy to tap” (simples de tocar)

Simplicidade é mais uma vez a palavra de ordem, não devem ser apresentadas muitas opções de uma só vez, pois isto pode confundir o utilizador e levar a que selecione uma opção não desejada, este é outra das directrizes principais na criação de aplicações segundo as orientações da Google.

Relacionado:
Confirmado: Oneplus informa que o Oneplus 3T chega a 15 de Novembro

0B5CUt KUpXFUbE03eVdwYkRJRTg Google quer que os utilizadores criem apps para o Android Wear 2.0 image

“Time-saving” (economia de tempo)

 

Economizar tempo do utilizador é também outros dos “truques” que devem ser aplicados quando se desenvolve uma aplicação, isto porque os utilizadores sentem-se mais confortáveis com acções directas e simples do que menus complicados com sub opções de sub opções.