google-play2.png

Em declarações ao site chinês Tech.Sina o vice-presidente da Lenovo. Chen Xudong, afirmou que a Google pretende levar a sua loja virtual de volta à China, já no decorrer deste ano.
Embora o Android seja o principal sistema operativo utilizado pelos chineses, a presença da Google naquela região do globo é bastante limitada. Diferentemente do que acontece no ocidente – onde todos os aplicações para Android são distribuídas oficialmente pela Google Play, a China possui diversas lojas virtuais.

Uma das principais vantagens que a Google Play poderia oferecer ao mercado chinês, é a centralização. Mas segundo o Ubergizmo, a versão da loja que funcionará na China deve ser censurada, e provavelmente não trará todos as aplicações que são actualmente vendidas na loja ocidental.

 

 

Os rumores que a Google pretende voltar a operar no mercado chinês não são novos, e já à bastante tempo que se coloca essa possibilidade. A parceria entre a Google e a fabricante chinesa Huawei, também poderá ter sido uma chave para o sucesso do regressa da empresa de Mountain View a terras Chinesas.

Relacionado:
Moto G : recebe actualização de segurança