Já efectuaste uma pesquisa pelo teu nome no Google? Muitos utilizadores, por exemplo, encontram algumas fotos, textos e redes sociais. Outros, no entanto, podem encontrar resultados ofensivos, irrelevantes ou que já não são relevantes. A partir de ontem, esses utilizadores podem solicitar ao motor de busca que remova o link do conteúdo da pesquisa. No caso do Google, por meio deste formulário.

A decisão da empresa deve-se ao cumprimento de uma decisão judicial estabelecida pelo Tribuna de Justiça da União Européia que, no dia 13 de Maio, acatou o pedido da Agência de Proteção de Dados espanhola. O pedido alega que todo cidadão tem o direito de ser “esquecido” na rede.

 

Além do nome, país de origem, relação com a pessoa que representa (se o pedido não se refere a si), endereço de e-mail e links que pretendem ser removidos, o utilizador deve enviar um documento de identificação válido com fotografia. A Google pede o documento para evitar pedidos de remoção fraudulentos ou que prejudiquem outros. Por exemplo, uma empresa a tentar prejudicar a concorrência.

 

 

 

 

 

 

Fonte: MobileXpert

Relacionado:
DISTRAINT: jogo 2D de terror psicológico já não é exclusivo STEAM e está disponível na Play Store