O desenvolvimento de novas ferramentas de edição e personalização de fotografias é cada vez acentuado. Uma das aplicações que tem feito muito sucesso nas redes sociais é a Prisma, que é desenvolvida pela Prisma labs. Lançada, em meados de junho, originalmente para iOS, a empresa afirmou numa nota à comunicação social americana que uma versão para Android será lançada até ao final do mês de Julho.

Além do editor de imagens, a Prisma disponibiliza 21 tipos de filtros sofisticados baseados em artes plásticas que usam a tecnologia da inteligência artificial para transformar imagens em obras de artes com detalhes impressionantes. Segundo os programadores, a ideia é aplicar o estilo de artistas famosos para personalizar as nossas fotos.

Como os filtros são sofisticados, a Prisma não oferece pré-visualização em tempo real e alguns demoram alguns bons segundos até serem aplicados, mesmo em dispositivos mais recentes. No entanto, uma vez carregados, eles ficam guardados na memória enquanto o utilizador pode testar outros filtros. Ainda é possível ajustar a intensidade do filtro de acordo com os gostos do utilizador.

Para criar os efeitos, a aplicação utiliza a tecnologia de redes neutrais, semelhante ao conceito aplicado pela Google na construção do Deep Dream. Além disso, a aplicação também utiliza a Inteligência Artificial no seu funcionamento. “Uma combinação única de redes neutrais e inteligência artificial que ajuda a transformar momentos memoráveis em arte intemporal”, diz o programador.

A aplicação Prisma deverá chegar ao Android de forma gratuita e sem publicidade. Apesar da Prisma labs confirmar o lançamento até ao final deste mês, ainda não há uma data específica para seu lançamento.

Relacionado:
Cyanogen disponibiliza o Android Nougat para o mítico Nexus 4