A Google decidiu reduzir a importância de cartões SD com o lançamento do Ice Cream Sandwich. Desde então, os dispositivos Nexus foram sido distribuídos sem slots de cartão SD e com memória interna limitada. Isto não foi do agrado de muitos, pois outros OEMs como a HTC e a Samsung continuaram a vender os seus telefones com slots de cartão microSD embutidos.

Parece que o Google mudou a sua política em relação aos cartões SD e criou uma nova API para dar mais liberdade aos programadores. Com o Lollipop, as aplicações podem agora aceder a todo o cartão SD, graças à intenção ACTION_OPEN_DOCUMENT_TREE. Naturalmente, a escolha será dada ao utilizador, com este acesso de volta, fica aberta a porta a aplicações potencialmente muito úteis.

Dar acesso mais amplo ás aplicações pode ser especialmente útil para aplicações de câmera, gravadores de som, e assim por diante, porque outras aplicações terão acesso mais fácil ao conteúdo que foi criado. Isto também deve poupar a dor de cabeça quando o cartão SD decide parar de trabalhar ou provoca crahses nas apps.

Em breve, devemos ver gestores de arquivos com recursos mais completos, o que também irá poupar os programadores de implementar  hacks, a fim de fazer o as suas apps funcionar com cartões SD externos. O Android Lollipop ainda está num estágio muito precoce e só há uma mão cheia de dispositivos a correr este novo Android , mas em breve devemos ver s estes métodos funcionam na prática ou não.

Relacionado:
mytaxi é parceira de mobilidade do Doclisboa’16

 

[via Android Police]