Embora decisões recentes da Google tenham dado a entender que a empresa não é exactamente fã de cartões SD — como o facto de eles estarem ausentes na linha Nexus —, tudo indica que o espaço dedicado ao acessório deve aumentar no futuro. Prova disso é que o Android Lollipop deve marcar o retorno de algumas funcionalidades que estavam ausentes nas últimas versões do sistema operativo.

Embora essa filosofia já tenha sido adoptada a partir do Android 4.4, a empresa admitiu que os seus esforços não foram tão longe quanto poderiam nesse sentido. Isso deve ser corrigido na nova versão do sistema operativo, que traz APIs que possibilitam que os programadores acedam a todas as funções de um cartão SD de uma forma segura.

Os utilizadores do Android Lollipop vão ter que aprovar que softwares acedem o acessório da primeira vez que uma tentativa do tipo ocorre, mas, depois disso, todo o processo de leitura e gravação de dados deve acontecer de maneira invisível. Agora resta esperar pelo lançamento final da actualização e pelo interesse dos programadores para descobrir como o retorno de determinadas funções deve funcionar na prática.

 

 

 

 

 

FONTE & FONTE | VIA

Relacionado:
Lenovo ZUK Edge aparece em novo leak de imagens reais